#DeOlho: Escolha de pró-reitores estaria gerando desconforto entre Isabel e Márcio: confira também a lista de possíveis nomes que poderão compor o “1º Escalão da UFT”

Por: Eduardo Azevedo

Após as eleições para a reitoria, a movimentação na Universidade Federal do Tocantins (UFT) está direcionada para a posse da reitora eleita, Isabel Auler, para a saída do atual reitor, Márcio da Silveira, e também na escolha dos novos pró-reitores e do prefeito universitário. Atualmente a composição do “1º Escalão” da instituição está da seguinte maneira:

Reitor: Márcio Silveira

Vice-reitora: Isabel Cristina Auler Pereira

Chefe de Gabinete: Emerson Subtil Denicoli

Pró-reitor de Administração e Finanças: Raimundo Nonato Noronha Alves

Pró-reitor de Assuntos Estudantis e Comunitários: Juscéia Aparecida Veiga Garbeline

Pró-reitor de Avaliação e Planejamento: Eduardo Andrea Lemus Erasmo

Pró-reitora de Graduação: Berenice Feitosa da Costa Aires

Pró-reitor de Extensão e Cultura: Abraham Damian Giraldo Zuniga

Pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação: Waldecy Rodrigues

Pró-reitora de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas: Érica Lissandra Bertolossi Dantas

Prefeito Universitário: Erich Collicchio

Diversas fontes ouvidas pelo Blog Eduardo Azevedo nos últimos dias informaram que há um desconforto na relação entre Isabel e Márcio, devido à indicação de nomes que devem compor os cargos na próxima gestão. Um dos motivos seria um pedido do atual reitor solicitando à reitora eleita para que a pró-reitora de Assuntos Estudantis e Comunitários (Proest), Juscéia Aparecida Veiga Garbeline, permanecesse no cargo. Isabel teria negado o pedido e reforçado que, além de Jusceia, a pró-reitora de Graduação, Berenice Feitosa da Costa Aires, também não continuará na função.

“Ele está muito chateado com a Isabel, mas é ela que vai trabalhar né? Tem que montar a equipe dela também”, reforçou uma fonte ligada à reitora eleita.

A Proest seria a pró-reitoria que está dando mais trabalho para se definir um nome que seja consenso. “Está uma zona de guerra”, definiu outra fonte.

Além dessa situação, muitos nomes já são ventilados nas rodas de conversa dentro da UFT. Um deles é o do professor do curso de medicina Raphael Sanzio Pimenta, cotadíssimo para ser o novo Pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação (Propesq). Outro que já é dado como certo no 1º Escalão é o professor Aurélio Picanço (Engenharia Ambiental).

Outros nomes que também estão cotados é o de Jose Damião Trindade Rocha (Pedagogia), Karylleila dos Santos Andrade Klinger (Artes), Delson Henrique Gomes (Ciências Contábeis), Renata Junqueira Pereira (Nutrição) e o de Gentil Veloso Barbosa (Ciência da Computação). O único que deve permanecer como pró-reitor é o professor Eduardo Andrea Lemus Erasmo, na Pró-reitoria de Avaliação e Planejamento.

Na chefia de Gabinete Emerson Subtil Denicoli pode continuar na função, mas há quem diga que um bom nome é o do também administrador Dimas Magalhães Neto.

Outra informação dita por três pessoas ouvidas pelo Blog é a de que poderá ocorrer uma mudança significativa na área da Comunicação na gestão de Isabel.

A verdade é que só se será possível confirmar de fato quem ficará no “1º Escalão da UFT” a partir do dia 15 de junho, data em que Márcio deixa oficialmente a reitoria da instituição. Já na semana que vem, o Ministério da Educação (MEC) deve publicar a data da posse de Isabel.

Entretanto, já é possível observar que há mais nomes sendo ventilados do que cargos disponíveis na estrutura administrativa da “linha de frente”.

É aguardar pra ver.

Anota ai, e faça a sua aposta:

Reitora: Isabel Cristina Auler Pereira

Vice-reitora: Luis Eduardo Bovolato

Chefe de Gabinete:

Pró-reitor de Administração e Finanças:

Pró-reitor de Assuntos Estudantis e Comunitários:

Pró-reitor de Avaliação e Planejamento:

Pró-reitora de Graduação:

Pró-reitor de Extensão e Cultura:

Pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação:

Pró-reitora de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas:

Prefeito Universitário:

A reportagem tentou falar com Isabel e com Márcio na tarde desta sexta-feira, 02 de junho, mas as ligações não foram atendidas. Por meio da assessoria, o Blog foi informado de que os dois estão em viagem aos Câmpus do interior. Ainda de acordo com a assessoria, não há nenhum desconforto na relação institucional entre o reitor e a reitora eleita. O espaço se mantém aberto caso eles queiram se posicionar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s