NO MEC: Isabel Auler é empossada oficialmente como reitora da UFT

Por: Daniel dos Santos/UFT

A cerimônia de posse da reitora da Universidade Federal do Tocantins (UFT), Isabel Auler, foi realizada na manhã desta quinta-feira (21), na sede do Ministério da Educação (MEC), em Brasília. Participaram do evento o ministro da Educação, Mendonça Filho, o secretário de Educação Superior do MEC, Paulo Barone, o vice-reitor, Luís Bovolato, o pró-reitor de Planejamento, Eduardo Lemus, o diretor de Hospital de Doenças Tropicais, José Guimarães e a coordenadora do curso de Engenharia de Biprocessos e Biotecnologia, Claudia Auler.

Eleita no mês de abril para a sucessão de Márcio Silveira, de quem foi vice durante a gestão de 2012 a 2016, Isabel afirmou em seu discurso que as dificuldades orçamentárias previstas para 2016 e 2017 não irão desestimular a gestão à frente de uma universidade, que em 13 anos possui cerca de 20 mil estudantes e já tem a terceira maior produção científica da região Norte do país.

“Como gestora, docente, pesquisadora e mulher, sinto-me orgulhosa de contar com apoio e sensibilidade da comunidade acadêmica para conduzirmos a Universidade nos próximos quatro anos e sobretudo, congregar docentes, servidores técnicos-administrativos e estudantes em torno de um sólido e vibrante projeto acadêmico, de forma ética e solidária”, declarou a reitora.

Isabel também destacou que o novo desafio representa pessoalmente o coroamento de um longo trajeto profissional dedicado à Universidade como professora, pesquisadora e gestora; e acrescentou que ensino, pesquisa e extensão serão prioridades. “O que nós e a comunidade acadêmica podemos esperar da nossa gestão é que em um cenário complexo na política e economia, teremos de buscar parcerias, utilizar do conceito de pesquisas em redes e do entendimento da lei da inovação. E acima de tudo, temos como meta melhorar os indicadores do ensino de graduação”.

Biografia
A reitora Isabel Auler é doutora em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e mestre em Literatura Brasileira pela Universidade de Brasília (UnB). Atua como docente do Mestrado em Educação, Mestrado Profissional em Letras e do curso de graduação em Pedagogia, todos pela UFT.

Antes de se tornar reitora, Isabel foi pró-reitora de Graduação de 2007 a 2012; e vice-reitora de 2012 a 2016, pela UFT. É membro do Comitê Técnico-Científico pela UFT, Foi professora da Unitins de 1991 a 2003, na qual foi diretora de Ensino entre 1999 e 2003.

#DeOlho: Caminhas são construídas para gatos na UFT

Por: Eduardo Azevedo

Um gesto de amor feito por alguma (s) alma (s) boa (s) da Universidade Federal do Tocantins (UFT), Câmpus de Palmas, era tudo o que a gente precisava ver nesta terça-feira, 12 de julho. Depois de algumas notícias tristes sobre a morte dos felinos na instituição, olhar essas caminhas feitas exclusivamente para os bichanos no faz acreditar que ainda existem muitos “serumaninhos” com corações enoooooormes. Aos envolvidos (se manifestem, rs) os nossos parabéns!

#DeOlho: Matrícula Web do semestre 2016.1 da UFT estará disponível a partir desta quarta-feira, 06 de julho. Confira o calendário por Câmpus:

Por: Eduardo Azevedo

A Pró-reitoria de Graduação (Prograd) divulgou nesta terça-feira, 05 de julho, que o período de solicitação de matrícula via web para o próximo semestre (2016.1 e 2016.2 para alguns cursos) estará disponível a partir desta quarta-feira, 06 de julho.

Na postagem feita no perfil da pró-reitoria é destacado que os alunos do 1º período não precisam realizar o procedimento.  A Prograd informou ainda que todos os cursos de Gurupi, Medicina Veterinária e Zootecnia em Araguaína só farão matrícula web a partir do dia 22 de agosto, devido aos calendários dos respectivos cursos.

Você pode ver o calendário com as datas clicando no link ou na imagem:

Procedimentos Acadêmicos – Período de realização da Matrícula Web

calendário matrícula web uft
Calendário – Matrícula WEB da UFT 2016.1

#DeOlho: UFT divulga as 20 melhores fotos que estão concorrendo no 1º Concurso de Fotografia – Câmpus de Palmas. Confira:

Por: Eduardo Azevedo

A Universidade Federal do Tocantins (UFT) divulgou na última sexta-feira, 1 de julho, as 20 fotos selecionadas no 1º Concurso de Fotografia – Câmpus de Palmas. A imagem que tiver o maior número de curtidas até às 23h59min do próximo dia 07 de julho será a grande vencedora. A exposição e premiação aos vencedores acontecerá no dia 10 de agosto deste ano.

 

 

Confira as fotos selecionadas e vote na que você achar mais bonita ❤ :

 

 

GENEROSIDADE: Professor da UFT doa 750 livros para biblioteca do Câmpus de Miracema

Por: Por Patrícia Paiva e Cynthia Barreto/UFT

A biblioteca Paulo Freire do Câmpus de Miracema, da Universidade Federal do Tocantins (UFT), recebeu cerca de 750 volumes entre livros, apostilas e folhetos.  Os livros são didáticos, científicos, de poesias e poemas; incluem gêneros de literatura nacional e internacional, entre outros. A doação foi realizada pelo professor Pedro Alberice, os volumes faziam parte do acervo da biblioteca pessoal do professor, para ele a doação é um ato cristão e enfatiza que doar livros é doar conhecimento.

“Se as obras são de caráter científico, estamos multiplicando ciência. Se as obras são de cunho literário, poesia, conto, crônica e romance, estamos multiplicando obras de arte. De uma maneira ou de outra, eu me sinto privilegiado em espalhar cultura e bem estar para a população”, disse Pedro.

O bibliotecário do Câmpus de Miracema, Geraldo Costa, destaca a importância do recebimento dos volumes, pois afirma que há muitas obras raríssimas que não estão mais à venda.

“Teremos o cuidado com a preservação desses livros, pois serão instrumentos para os alunos realizarem pesquisa e aprofundarem seus conhecimentos”, afirma.

ENTRE 2012 E 2015: Márcio da Silveira recebeu mais de R$ 227 mil em diárias/passagens: “instrumento importante para que possamos nos deslocar para exercer nosso papel”, responde

Por: Eduardo Azevedo

 

Entre junho de 2012 e dezembro de 2015, o ex-reitor da Universidade Federal do Tocantins (UFT), Márcio da Silveira, recebeu o total de R$ 227.698,88 em diárias e passagens. Levando em consideração os 43 meses analisados, além do salário de mais de R$ 20 mil, a média mensal recebida por Silveira em diárias/passagens chega a R$ 5.295,32.

O maior valor recebido pelo ex-reitor em diária/passagem, conforme apuração feita pela reportagem, foi o referente aos dias 08 a 16 de junho de 2013, que chegou ao valor de R$ 28.162,71.

No mesmo período analisado (2012 a 2015) foi constatado que a atual reitora, Isabel Auler, recebeu R$ 47.850,83 enquanto vice-reitora e sua média alcançou o valor de R$ 1.112,81 ao mês. No caso da professora, a primeira diária/passagem recebida por ela no ano de 2012 foi referente aos dias 21 a 23 de novembro, sendo a quantia de R$ 2.929,76.

As informações foram obtidas pelo Blog Eduardo Azevedo por meio do Portal da Transparência da instituição. Nele,  é possível identificar especificadamente o que foi pago em diária e o que foi recebido em passagem (esse valor detalhado pode ser encontrado no levantamento abaixo, clicando no nome do ex-reitor ou da atual reitora).

Foi analisado o período a partir de junho de 2012, pelo fato de Márcio e Isabel terem sido empossados oficialmente no dia 05 de junho desse referido ano.

Por meio do Sistema de Informação ao Cidadão (SIC), a reportagem também solicitou os valores recebidos em diárias/passagens pelo ex-reitor e pela atual reitora em 2016, mas até o fechamento da matéria os pedidos ainda não tinham sido respondidos.

 

MÁRCIO SE POSICIONA

O Blog Eduardo Azevedo também entrou em contato com Silveira para repercutir o assunto e fazer os seguintes questionamentos:

  • Qual a avaliação do senhor sobre esse benefício? Ele pode ser considerado uma regalia?
  • Qual a importância desse benefício para o trabalho como reitor?

Em resposta, Silveira deixou claro que não acredita que as diárias sejam uma regalia, mas que constituem um direito do servidor público, desde que ele esteja em viagem a trabalho. Ele ressaltou que as diárias são importantes instrumentos para o deslocamento do reitor, enquanto dirigente de uma instituição.

“Vale lembrar que a UFT é multi campi, ao todo são sete Câmpus. De Tocantinópolis a Arraias são quase 1.200 km. Essa distância da para atravessar a Europa inteira. Portanto são distâncias consideráveis. No mais, os dirigentes tem muitas reuniões no Ministério da Educação e nos fóruns de dirigentes das instituições superiores (Andifes), todas para discutir questões orçamentárias e de planejamento nas universidades federais”, disse.

Silveira destacou que, além do aspecto legal, é uma necessidade orgânica a existência das diárias para o reitor, pois sem elas não seria possível a mobilidade e resolução de questões que envolvem uma instituição de ensino superior. Ele ressaltou ainda que além das viagens para resolver questões que envolvem a UFT, há também o riscos que são assumidos pelo gestor. “Uma questão que ninguém levanta e se importa são os riscos que corremos nesta Belém Brasília, risco de morte mesmo. São trechos longos e perigosos e, portanto, não há diária que pague um perigo desses”, ressaltou.

Confira o posicionamento de Silveira na íntegra:

“As diárias constituem um direito, enquanto servidor público, desde que esteja em viagem a trabalho. Vejo como um instrumento importante para que possamos deslocar para exercer nosso papel enquanto dirigente. Vale lembrar que a UFT é multi campi, ao todo são sete Câmpus. De Tocantinópolis a Arraias são quase 1200 km. Essa distância da para atravessar a Europa inteira. Portanto são distâncias consideráveis. No mais os dirigentes tem muitas reuniões no MEC e nos fórum de dirigentes das instituições superiores (ANDIFES) todas para discutir questões orçamentárias e de planejamento nas universidades federais. Portanto não considero regalia um reitor ter que se deslocar aos Câmpus do interior, a Brasília diretamente no MEC, na ANDIFES, e no Congresso Nacional correndo atrás de emendas parlamentares para UFT e também importar aos parlamentares para que não cortem o orçamento da universidade. Uma questão que ninguém levanta e se importa são os riscos que corremos nesta Belém Brasília, risco de morte mesmo. São trechos longos e perigosos. E portanto não há diária que pague um perigo desses. Na verdade todas as reuniões de conselhos da UFT ( CONSEPE E CONSUNI) requer a presença de todos os conselheiros e isso tem um custo. Sem as diárias não conseguiríamos conduzir a universidade no campo da democracia. Uma vez que os representantes de cada Câmpus tem que se deslocar a Palmas, onde são realizados os conselhos. Por isso considero além do aspecto legal uma necessidade orgânica a existência das diárias, caso contrário não haveria como ter mobilidade e resolução das questões que são apresentadas no dia a dia de uma instituição de ensino superior. Vale lembrar que todas as nossas viagens são planejadas para resolver mais de três problemas estratégicos que exijam a presença do reitor ou da vice reitora. Por isso são agrupados os problemas para que possamos passar no mínimo um dia nos Câmpus para nos reunir com a comunidade local, encontro com os prefeitos locais para solicitar colaborações, parcerias, e também resolver ou pelo menos equacionar os problemas. Assim funciona as 63 universidades federais, inclusive a UFT”.

 

ISABEL NÃO SE POSCIONA

Procurada por meio de sua assessoria para responder os mesmos questionamentos feitos a Silveira, a reitora Isabel Auler não se posicionou sobre o assunto.

LEVANTAMENTOS

Confira o relatório completo das datas e diárias/passagens recebidas por Márcio da Silveira – em ordem decrescente – analisadas entre junho de 2012 e dezembro de 2015. Caso o leitor queira saber detalhadamente o evento e o que foi pago em diária ou passagem, basta clicar no nome do ex-reitor.

 

DATA DO RECEBIMENTO NOME VALOR (R$)
08/06/2013 a 16/06/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$             28.162,71
21/01/2013 a 03/02/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$             12.041,88
22/11/2014 a 28/11/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$             11.806,05
19/11/2012 a 24/11/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               9.968,81
23/04/2014 a 28/04/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               7.259,29
10/11/2014 a 12/11/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               6.299,92
23/06/2012 a 01/07/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               4.680,03
07/07/2015 a 09/07/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               4.222,11
23/02/2013 a 24/02/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               3.760,37
30/09/2013 a 04/10/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               3.631,40
12/03/2013 a 14/03/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               3.500,54
12/05/2015 a 13/05/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               3.217,98
26/08/2015 a 28/08/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               3.038,85
13/11/2012 a 15/11/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.937,59
24/06/2013 a 26/06/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.810,77
18/08/2014 a 18/08/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.604,10
03/09/2012 a 05/09/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.582,39
05/03/2013 a 09/03/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.501,64
09/09/2014 a 11/09/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.475,61
24/09/2015 a 25/09/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.463,83
29/01/2014 a 31/01/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.452,60
14/05/2013 a 16/05/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.361,48
11/03/2015 a 13/03/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.352,18
16/12/2015 a 17/12/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.297,46
14/10/2015 a 14/10/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.288,68
06/10/2015 a 07/10/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.131,83
08/10/2013 a 11/10/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.077,73
07/11/2012 a 08/11/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.049,32
12/09/2013 a 12/09/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               2.016,10
14/08/2013 a 15/08/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.990,40
31/08/2015 a 01/09/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.975,73
03/09/2013 a 06/09/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.959,32
09/07/2013 a 09/07/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.950,66
01/07/2014 a 01/07/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.950,10
01/08/2014 a 06/08/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.949,90
26/11/2013 a 29/11/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.949,33
16/09/2013 a 16/09/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.916,48
08/10/2014 a 08/10/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.862,48
04/02/2015 a 05/02/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.851,53
05/04/2013 a 08/04/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.850,34
10/12/2014 a 10/12/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.840,76
28/09/2012 a 29/09/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.796,81
07/11/2013 a 13/11/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.773,93
16/04/2014 a 16/04/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.749,10
13/05/2014 a 14/05/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.717,60
17/10/2013 a 20/10/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.690,34
02/12/2014 a 03/12/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.675,53
01/08/2012 a 03/08/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.667,82
21/05/2014 a 21/05/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.656,00
24/02/2015 a 24/02/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.637,78
15/08/2012 a 16/08/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.607,33
27/03/2014 a 27/03/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.580,10
24/10/2012 a 26/10/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.566,82
03/02/2014 a 03/02/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.561,10
13/02/2014 a 14/02/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.487,75
07/04/2015 a 08/04/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.483,28
26/09/2013 a 29/09/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.469,79
05/12/2012 a 06/12/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.403,53
02/10/2012 a 03/10/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.401,98
28/08/2012 a 29/08/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.389,53
23/11/2015 a 25/11/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.384,57
05/02/2014 a 06/02/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.373,25
30/10/2014 a 30/10/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.355,38
27/08/2014 a 27/08/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.349,38
07/05/2013 a 08/05/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.346,34
20/02/2013 a 21/02/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.320,26
14/06/2012 a 15/06/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.311,73
30/10/2012 a 31/10/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.287,53
17/12/2013 a 18/12/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.283,04
06/11/2014 a 08/11/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.274,40
09/10/2012 a 10/10/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.259,49
23/04/2015 a 24/04/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.217,93
12/12/2012 a 13/12/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.179,53
02/10/2014 a 04/10/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.134,50
05/06/2013 a 07/06/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.133,54
19/02/2014 a 19/02/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.105,30
06/06/2014 a 09/06/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$               1.009,55
10/04/2013 a 12/04/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  998,41
28/10/2015 a 29/10/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  975,78
02/05/2013 a 03/05/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  928,89
18/06/2012 a 18/06/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  850,65
20/11/2013 a 23/11/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  836,39
10/03/2014 a 11/03/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  731,80
25/06/2014 a 25/06/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  678,90
07/08/2014 a 09/08/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  599,85
24/10/2013 a 26/10/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  599,84
29/10/2013 a 29/10/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  587,45
02/12/2015 a 04/12/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  582,90
27/08/2013 a 27/08/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  404,35
30/08/2013 a 31/08/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  363,30
15/02/2013 a 16/02/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  363,30
20/12/2012 a 21/12/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  352,61
30/08/2012 a 31/08/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  352,61
14/05/2015 a 15/05/2015 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  346,35
03/06/2014 a 04/06/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  346,35
02/12/2013 a 03/12/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  346,34
30/10/2013 a 31/10/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  346,34
19/09/2013 a 20/09/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  346,34
20/06/2013 a 21/06/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  346,34
26/03/2013 a 27/03/2013 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  346,34
12/08/2014 a 12/08/2014 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  238,60
03/07/2012 a 03/07/2012 MARCIO ANTONIO DA SILVEIRA  R$                  146,73
TOAL  R$           227.698,88

 

Confira o relatório completo das datas e diárias/passagens recebidas por Isabel Auler – em ordem decrescente – analisadas entre junho de 2012 e dezembro de 2015. Caso o leitor queira saber detalhadamente o evento e o que foi pago em diária ou passagem, basta clicar no nome da atual reitora.

DATA DO RECEBIMENTO NOME VALOR (R$)
08/06/2013 a 14/06/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 6.882,63
01/08/2013 a 03/08/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 3.955,76
23/04/2013 a 24/04/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 3.198,44
21/11/2012 a 23/11/2012 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 2.929,76
06/08/2013 a 08/08/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 2.662,01
06/11/2012 a 09/11/2012 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 2.583,60
03/07/2013 a 03/07/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 2.183,66
16/07/2013 a 17/07/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 2.175,00
21/08/2013 a 21/08/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 2.084,66
01/04/2013 a 02/04/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 2.028,11
06/05/2015 a 06/05/2015 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 1.391,18
23/06/2013 a 24/06/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 1.327,78
29/05/2015 a 30/05/2015 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 1.237,73
04/08/2014 a 08/08/2014 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 1.196,60
22/04/2015 a 22/04/2015 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 957,18
23/10/2014 a 24/10/2014 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 924,80
14/03/2013 a 15/03/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 879,46
16/04/2015 a 18/04/2015 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 865,93
20/11/2013 a 23/11/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 689,39
20/02/2015 a 22/02/2015 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 511,80
08/05/2014 a 10/05/2014 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 494,85
10/11/2013 a 12/11/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 494,84
29/09/2014 a 01/10/2014 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 477,90
04/12/2013 a 06/12/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 477,89
29/10/2013 a 31/10/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 477,89
04/09/2013 a 06/09/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 477,89
15/05/2015 a 16/05/2015 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 300,30
21/11/2014 a 22/11/2014 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 300,30
23/11/2015 a 24/11/2015 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,35
23/09/2015 a 24/09/2015 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,35
13/05/2015 a 14/05/2015 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,35
11/05/2015 a 12/05/2015 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,35
19/11/2014 a 20/11/2014 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,35
16/06/2014 a 17/06/2014 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,35
26/05/2014 a 27/05/2014 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,35
02/12/2013 a 03/12/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,34
23/09/2013 a 24/09/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,34
19/09/2013 a 20/09/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,34
11/09/2013 a 12/09/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,34
08/04/2013 a 09/04/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,34
29/01/2013 a 30/01/2013 ISABEL CRISTINA AULER PEREIRA R$ 283,34
TOTAL R$ 47.850,83

OPORTUNIDADE: Inscrições para o extravestibular da UFT terminam neste domingo, 26 de junho: são ofertadas 1.349 vagas em diversos cursos

Por: Elâine Jardim e Luana Nunes/UFT

Continuam abertas até o dia 26 de junho, as inscrições para o Extravestibular da Universidade Federal do Tocantins (UFT). Estão sendo ofertadas 1.349 vagas em diversos cursos de graduação nos sete câmpus, para ingresso no primeiro ou segundo semestre letivos de 2016, conforme o Edital de Abertura.

Podem se candidatar às vagas portadores de diploma, alunos desvinculados da UFT que não tenham concluído o curso de graduação, alunos regulares da UFT ou de outras Instituições de Ensino Superior do Brasil enquadrados nos critérios de transferência interna, transferência facultativa, reingresso ou ingresso, conforme o item 1 do Edital 01/2016.

Para a Pró-reitora de Graduação da UFT, Berenice Feitosa, a aplicação do Extravestibular é importante por dar mais oportunidades para a comunidade interna e externa da UFT. “Os interessados também precisam ficar atentos, pois as vagas de todos os cursos são para áreas afins”, destaca.

As inscrições para o Extravestibular devem ser realizadas entre as 10h do dia 13 e 23h59 do dia 26 de junho, exclusivamente pela internet, por meio do link www.copese.uft.edu.br. A taxa de inscrição é de R$ 80,00 para todos os cursos.

A Copese/UFT divulgou ainda o Edital nº 02/2016, que traz retificações importantes sobre o certame. Para acessá-lo, clique aqui.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (63) 3232-8032 ou pelo email prograd@uft.edu.br

JUFT: Se algo mais sério acontecesse com algum acadêmico, de quem seria a responsabilidade?

Por: Eduardo Azevedo

Mais uma vez os Jogos Universitários Estudantis da Universidade Federal do Tocantins (JUFT) são criticados nas redes sociais pela falta de estrutura e suporte dada aos acadêmicos participantes.

Antes de qualquer crítica relacionada ao evento é preciso considerar o esforço de todas as pessoas envolvidas na sua organização: Diretório Central do Estudantes (DCE-UFT), Centros Acadêmicos (CAs), Diretoria de Esportes da UFT, que, mesmo sem os recursos necessários, se propuseram a realizar o melhor e maior evento esportivo da universidade.

Entretanto é preciso falar de responsabilidades.

Nas seletivas que ocorreram em Araguaína em maio, conforme divulgado em uma matéria feita por este Blog, já havia sido relatado um caso em que foi preciso atendimento médico a um dos jogadores.

Já em Palmas foi estabelecido um regulamento geral e outro específico para nortear as regras, direitos e deveres que cada um deveria seguir durante o torneio. No regulamento específico para Rugby, por exemplo, é informado que “um médico oficial designado pela organização do torneio estará presente durante as partidas”.

Conforme dito ao Blog Eduardo Azevedo por participantes da modalidade no JUFT em Palmas, não havia tal acompanhamento durante as partidas.

É importante destacar este ponto do regulamento, pois  – antes de tudo – a saúde das pessoas deve ser prioridade. Principalmente em um evento que leva o nome da maior instituição de ensino superior do Estado.

Nesta segunda-feira, 20 de junho, a acadêmica da UFT de Gurupi Su Donato postou nos diversos grupos da universidade que um atleta também passou mal em Palmas, após um dos jogos e que não teve atendimento imediato. “Não recebeu nenhum tipo de atendimento, foi para o alojamento andando sozinho e lá cuidamos dele”, disse.

“Ah, mas isso foi um caso isolado…”

É preciso exatamente de um único caso para que todo um evento seja comprometido.

Serve pra refletir.

Por experiência, sabe-se bem que na hora de receber os “louros” sempre é encontrado alguém assumir a autoria, mas e se algo mais sério acontecesse com esse acadêmico ou com qualquer outro, de quem seria a responsabilidade?

Felizmente nada de sério aconteceu com o jovem, mas, novamente, este caso serve de reflexão.

O alerta que deve ficar para todos que querem realizar eventos esportivos, é que tenham mais observação sobre o que pode ser oferecido de segurança médica aos atletas. Não raro, pode ser encontrado na imprensa relatos de pessoas que passam muito mal durante partidas e até mesmo morrem por falta de assistência especializada imediata.

Os jogos, a interação entre os acadêmicos dos mais variados Câmpus da UFT é muito importante para a universidade e para alunos. No entanto, a Reitoria, a Diretoria de Esportes, o DCE-UFT, Os CAs e todos os demais representantes da instituição devem ficar atentos para que problemas realmente sérios não venham a ocorrer em eventos futuros.

É bom repensar e PLANEJAR desde agora o que pode ser feito principalmente nesta parte da assistência médica.

Ninguém quer que um evento esportivo de tamanha expressividade para a comunidade acadêmica (quiçá em todo o Estado) seja marcado por algum incidente que, por meio de organização e planejamento, poderia ter sido evitado.

INICIATIVA: Alunos de arquitetura vendem salgados para reforma paisagística de bloco da UFT

Por: Lean Felipe e Luana Nunes/UFT

A professora Márcia Rodrigues do Curso de Arquitetura da Universidade Federal do Tocantins (UFT), em parceria com a Direção do Câmpus de Palmas e dos alunos da disciplina, elaboraram um projeto que tem como objetivo a reforma do projeto paisagístico do Bloco I.

A ideia é que os alunos, durante o intervalo das aulas, se reúnam e possam vender salgados no valor de R$ 2,50. O dinheiro das vendas serão revertidos em fundos para a compra de tintas, mudas de plantas e materiais para a reforma.

A professora conta que essa é uma ideia antiga, de meados de 2010. Durante uma reunião com professores, sobre como motivar as pessoas a utilizarem melhor os espaços do Câmpus, surgiu essa proposta de trazer mais qualidade de vida às pessoas por meio desse projeto.

“Nós sentimos a necessidade de termos mais áreas de convivência, os alunos da disciplina de Paisagismo II tiveram essa percepção, então eles propuseram de trabalharmos nos entornos do bloco I”, comenta Márcia.

O Bloco I do Câmpus de Palmas concentra atividades dos cursos de Arquitetura, Jornalismo, Engenharia Ambiental e possui também laboratórios, agência bancária e copiadora. Por concentrar muitas áreas de dentro do Câmpus, esse foi o local escolhido pelos acadêmicos.

A professora nos conta que o trabalho foi totalmente coletivo e democrático, decidido em sala de aula e criado um projeto de biodiversidade. Uma das ideias é trabalhar com bosques de frutíferas, para que os alunos tenham acesso às frutas e áreas de sombra, além de flores, canteiros e plantas nativas. “Não digo que 100% das plantas serão nativas, pois quero muito inserir um flamboyant no projeto, porque ele não é nativo, mas é muito bonito” conta.

Uma das primeiras iniciativas será a construção de um octógono na entrada do Bloco I em que serão colocados bancos, praticamente um espaço de convivência. Além disso será pintado um mural nas paredes externas.

A aluna Ana Carolina produziu uma repaginação de piso que será desenhada na entrada do bloco, que consiste na planta baixa de um apartamento em escala real. “É muito gratificante executarmos o que planejamos para as pessoas do Câmpus, isso de não ficar só na teoria”, conta Ana Carolina sobre a parte prática de desenvolver esse trabalho.

A professora também nos contou que os trabalhos práticos devem começar em breve. Outras propostas serão analisadas e devem ser trabalhadas com os acadêmicos das próximas turmas da disciplina de Paisagismo II do curso de Arquitetura e Urbanismo da UFT.